26 de novembro de 2012

Pequenos negócios criaram, em julho, 95% das vagas de trabalho de todo o país

Os pequenos negócios geraram 95% dos empregos em todo o país no mês de julho deste ano. Conforme levantamento do Sebrae, baseado em dados do Caged, o saldo positivo de postos de trabalho foi de cerca de 41,5 mil vagas com carteira assinada. No total, reunindo os números das médias e grandes corporações e os da Administração Pública, foram criados 43,8 mil empregos formais celetistas no Brasil. No acumulado dos sete primeiros meses de 2019, as micro e pequenas abriram 437,6 mil vagas, 2,4% acima do registrado pelo setor no mesmo período do ano passado.

O total de vagas abertas pelos pequenos negócios é 50 vezes maior que o saldo de empregos gerados pelas médias e grandes empresas neste ano.

São Paulo segue liderando a geração de empregos em julho deste ano, com a criação de 12,8 mil novas vagas, seguido por Minas Gerais, com saldo positivo de 7,5 mil empregos. Com isso, a região Sudeste registrou o maior volume de postos de trabalho no mês passado no país, com mais de 20 mil novas contratações. A região Centro-Oeste assumiu a segunda posição no ranking regional, com a geração de 6,7 mil vagas.

“Mais uma vez os pequenos negócios mostram que o segmento é uma alavanca da economia do país e ressalta, desta forma, a importância que tem na geração de empregos e renda”, afirmou o presidente do Sebrae, Carlos Melles. “É mais um motivo para investirmos na melhoria do ambiente de negócios do setor, diminuindo a burocracia e incentivando a competitividade e a produtividade das micro e pequenas empresas”, acrescenta.

https://www.saopaulopretaporter.com/noticias/ler/pequenos-negocios-criaram-em-julho-95-das-vagas-de-trabalho-de-todo-o-pais