26 de novembro de 2012

O FUTURO DO VAREJO

Por Airton Manoel Dias
Consultor, palestrante e diretor do Fórum Couromoda - São Paulo Prêt-à-Porter 


Fala-se muito sobre a “indústria 4.0”, sobre o “varejo digital”, e de como ambos precisam se reciclar para atender a um consumidor cada vez mais multicanal.

Já foi dito: “ou nos reciclamos e praticamos a inovação, ou alguém fará e tomará nosso lugar”!

Pelo inicio do artigo, você já pode estar pensando: “lá vem mais informações sobre a tecnologia digital e da informação aplicadas às lojas!”. 

Não! Neste artigo vamos tratar de você, lojista. Você que precisa se transformar, também, em “lojista 4.0”, para sua loja ser “4.0”, caso contrário essa revolução, que está ocorrendo ao alcance de seus olhos (sem uso de binóculo), irá passar como um rolo compressor, possivelmente, deixando-o a comer poeira...

Empresas, para mudarem e conseguirem se modernizar, precisam bem mais do que o simples desejo de seus gestores nesse sentido. Precisam que todos que nela trabalham se adaptem a estes novos tempos onde tudo se inova em alta velocidade. Mas, sem o comando do empresário isso não acontece, pois o dia-a-dia tende a ocupar todo o nosso espaço mental.

O que você e sua equipe tem feito nesse sentido? Uma pequena listinha só para ajudá-lo:

AVANÇOS DA TECNOLOGIA: Se quer que sua empresa permaneça no mercado, não discuta com este tema. Acompanhe, adote e pratique.

TECNOLOGIA DO FUTURO: Não perca tempo com isso. Seja prático, tenha e mantenha seu foco. Adote tecnologias e recursos já disponíveis (são tantos). Não pule etapas. Acompanhe as inovações futuras, mas não se escravize por aquelas ainda distantes da realidade empresarial.

ADAPTAÇÃO: Sua empresa não tem cérebro, portanto, não pensa e nem decide nada. Isso é com você e sua equipe! Se vocês não estiverem adaptados a esse mundo novo das inovações como a sua empresa poderá estar? Cuidado para não entrar na lista das empresas que desaparecerão!

RAPIDEZ: As novas conquistas da tecnologia oferecem respostas super-rápidas, basta clicar na tela, mas se a sua equipe não estiver preparada para decidir de que adianta essa rapidez?

Neste tópico, um lembrete: já adaptou seu organograma para estes novos tempos? Colaboradores precisam decidir! Dê responsabilidade e autoridade, delegue decisões e cobre resultados. Decidir rápido com competência. Está é a chave para um futuro melhor. 

Mudando um antigo ditado da administração, hoje é fundamental criar uma equipe “com mais cacique e pouco índio”!

PERFEIÇÃO: Esqueça detalhes e não se perca em infindáveis planilhas. Deixe os computadores e a gestão digital trabalharem nesse sentido gerando informações pelo critério das exceções úteis, unicamente com o objetivo da tomada de decisões.  Lembre-se: sistemas de gestão informam, gente decide. Gente competente, adaptada decide melhor! 

Importante não é o quanto se sabe, o quanto se domina, o quanto se leu a respeito, mas como se utilizar de tudo isso a favor dos resultados, do desempenho e, claro, do lucro!

Clique aqui e faça sua inscrição no Fórum da feira! 

https://www.saopaulopretaporter.com/noticias/ler/o-futuro-do-varejo